Por enquato…

Atenção galera,

tenho andando sem tempo para atualizar esse website, mas enquanto isso…

Observação:

Estarei atualizando a parte de cinema no

Alagoas em Dia

2ª Oficina de Cinema do Cine SESI Pajuçara

AS LEIS DO AFETO: O CINEMA DE PEDRO ALMODÓVAR

DATA: 5, 12 e 19 de abril, às 19h, no Cine SESI Pajuçara.

INSCRIÇÕES: de 30 de março a 5 de abril, na bilheteria do Cine SESI.

INSTRUTORES: Ricardo Lessa e Ranieri Brandão

Barracão cineclube

Cinema em Riacho Doce

No dia 28 de março a partir das 18 horas uma tela será iluminada na praça do Riacho Doce, por trás da igrejinha de Nossa Senhora da Conceição, com curtas alagoanos e animações nacionais. A Praça é a José Emílio de Carvalho no bairro de Riacho Doce, beirada pela AL-101 Norte, local escolhido para a primeira exibição do Barracão Cine Clube.

maiores informações

Não percam as estréias que rolam em Maceió

Veja programação com horários e em quais cinemas estão sendo exibidos no editoral : Em Cartaz

Acenda uma Vela chega a Maceió em clima de premiação e manifesto

Pela primeira vez será entregue o troféu Vento Nordeste em quatro categorias durante a sessão-manifesto por um mecanismo de incentivo à cultura em Alagoas

 

Quarta-feira, 17 de março/2010

Céu estrelado, brisa do Atlântico, calmaria do rio ou da lagoa e filmes para todos os tipos de público. Este é o clima do projeto de cinema itinerante ACENDA UMA VELA, que chega a Maceió neste sábado (20) na praia de Ponta Verde, na curva do antigo Alagoinha, com uma programação especial para encerrar em grande estilo a 5ª ediçãoÉ cinema de graça na sua praia!

Pela primeira vez será entregue o troféu VENTO NORDESTE em quatro categorias, sendo uma de melhor filme na avaliação crítica do Cineclube Ideário e outras três eleitas pelo voto popular: melhor filme da 5ª temporada, melhor filme da sessão Maceió e melhor filme resgatado da história do cinema brasileiro de curta-metragem.

Além da mostra com produções de diversas regiões do Brasil e até mesmo inéditas nesta edição, a sessão de Maceió será um manifesto por uma política pública de incentivo à cultura em Alagoas, que é o único estado do Nordeste sem leis e fundos de fomento à produção cultural.

::: ACENDA UMA VELA 5ª EDIÇÃO | sessão MACEIÓ
encerramento da temporada

Quando: SÁBADO (20/03), A PARTIR DAS 19h 
Onde: Na areia da Praia de Ponta Verde, curva do antigo Alagoinha, em frente ao Farol
Quanto: ENTRADA GRATUITA. É cinema de graça na sua praia!

MANIFESTO POR INCENTIVO À CULTURA EM ALAGOAS
ALAGOAS: TERRA SEM LEI

O Acenda uma Vela convida a sociedade civil e artistas alagoanos e brasileiros de todos os segmentos artísticos para unirem forças na Campanha por um mecanismo de Incentivo à Cultura no Estado de Alagoas.

Maiores informações e publicação completa, clique aqui.

Premiações

Bafta

(Oscar do cinema britânico)

Melhor filme: “Guerra ao terror”

Melhor atriz: Carey Mulligan (“Educação”)

Melhor ator: Colin Firth (“A Single Man”)

Melhor diretor: Kathryn Bigelow (“Guerra ao terror”)

Melhor filme estrangeiro: “Un Prophète”

Melhor filme de animação: Pete Docter (“Up – Altas aventuras”)

Melhor roteiro adaptado: Jason Reitman e Sheldon Turner (“Amor sem escalas”)

Atriz revelação: Kristen Stewart

Melhor desing de produção: Rick Carter, Robert Stromberg e Kim Sinclair (“Avatar”)

Melhor roteiro original: Mark Boal (“Guerra ao terror”)

Melhor filme britânico: “Fish tank”

Melhor atriz coadjuvante: Mo’nique (“Preciosa”)

Melhor cabelo e maquiagem: Jenny Shircore (“The young Victoria”)

Melhor figurino: Sandy Powell (“The young Victoria”)

Melhor ator coadjuvante: Christoph Waltz (“Bastardos inglórios”)

Melhores efeitos especiais: “Avatar ”

Melhor fotografia: Barry Ackroyd (“Guerra ao terror”)

Prêmio especial de contribuição ao cinema: Joe Dunton

Melhor edição: “Guerra ao terror”

Melhor som: “Guerra ao terror”

Melhor trilha sonora: Michael Giacchino (“Up – Altas aventuras”)

Melhor curta de animação: “Mother of many”

Melhor curta: “I do air”

Melhor diretor estreante: Duncan Jones (“Moon”)

Franboesa de ouro

(conhecido como o ‘anti-Oscar’ da indústria cinematográfica)

Pior filme: “Transformers: A Vingança dos Derrotados”

Pior ator: os três Jonas Brothers, pela atuação em “Jonas Brothers 3D: O Show”

Pior atriz: Sandra Bullock (“Maluca Paixão”)

Pior casal: Sandra Bullock e Bradley Cooper (“Maluca Paixão”)

Pior ator coadjuvante: Billy Ray Cyrus (“Hannah Montana: O Filme”)

Pior atriz coadjuvante: Sienna Miller (“G.I. Joe: A Origem de Cobra”)

Pior Refilmagem: “A Terra Perdida”

Pior Diretor: Michael Bay (“Transformers: A Vingança dos Derrotados”)

Pior Roteiro: Ehren Kruger, Roberto Orci e Alex Kurtzman (“Transformers: A Vingança dos Derrotados”)
Pior Filme da década: “A Reconquista”

Pior ator da década: Eddie Murphy

Pior atriz da década: Paris Hilton

Spirit Awards

(premiação do cinema independente americano)

Melhor filme: “Preciosa – uma história de esperança”

Melhor diretor: Lee Daniels, por “Preciosa – uma história de esperança”

Melhor atriz: Gabourey Sidibe, por “Preciosa – uma história de esperança”

Melhor ator: Jeff Bridges, por “Coração louco”

Melhor atriz coadjuvante: Mo’Nique, por “Preciosa – uma história de esperança”

Melhor Ator Coadjuvante: Woody Harrelson, por “O mensageiro”

Melhor roteiro: “(500) dias com ela”

Melhor roteirista estreante: Geoffrey Fletcher, por “Preciosa – uma história de esperança”

Melhor fotografia: “Um homem sério”

Diretor estreante: Scott Cooper, por “Coração louco”

Melhor filme estrangeiro: “Educação”, de Lone Scheerfig

Melhor documentário: “Anvil! The story of Anvil”, de Sacha Gervasi

Prêmio John Cassavetes: “Humpday”, de Lynn Shelton

Prêmio Robert Altman: “Um homem sério”

Globo de Ouro

(prêmios distribuídos pela Associação da Imprensa Estrangeira de Hollywood (HFPA) para os melhores do cinema e da TV)

Melhor filme drama : “Avatar”

Melhor ator – drama
: Jeff Bridges, “Crazy heart”

Melhor ator – musical ou comédia :Robert Downey Jr., “Sherlock Holmes”

Melhor atriz – drama : Sandra Bullock, “The blind side”

Melhor filme musical ou comédia : “Se beber não case”

Melhor direção  : James Cameron, “Avatar”

Melhor ator coadjuvante : Christoph Waltz, “Bastardos inglórios”

Melhor filme estrangeiro : “A fita branca”

Melhor roteiro : Jason Reitman, “Amor sem escalas”

Melhor atriz – musical ou comédia  : Meryl Streep, “Julie & Julia”

Melhor trilha sonora original: Michael Giacchino, “Up – Altas aventuras”

Melhor canção original : “The weary kind” (Ryan Bingham), de “Crazy heart”

Melhor animação  : “Up – Altas aventuras”

Melhor atriz coadjuvante  : Mo’Nique, “Preciosa”

Um vestido para Lia

Um vestido para Lia

Cine Sesi Pajuçara
Segunda 20h00

É dia da Padroeira no povoado de Massagueira. Lia é filha da costureira e deseja muito um vestido novo para a festa, mas sua mãe está muito ocupada para fazer. A menina insiste de todas as formas para ter o vestido. Esta é a história do curta-metragem de 14 minutos, com pré= estréria marcada para o dia 13 de março na Massagueira e lançamento no dia 15, no Cine Sesi Pajuçara, com dupla sessão a partir das 20h seguida de bate-papo com a equipe do filme. A obra tem a direção conjuta do documentarista Hermano Figueiredo, que estréia no campo da ficção, e de Regina Barbosa.

Leia Matéria completa